sábado, 30 de outubro de 2010

Sala de amamentação I

Na sala de amamentação de um shopping de Salvador ouço a seguinte pérolas de uma moça - simpática por sinal - com um bebê de um mês que berrava de "fome". "Eu não tenho leite...o pediatra mandou complementou (com Nan) e disse para eu dar o peito só pela manhã e à noite, para ele dormir. Argumentei que quanto mais ela amamentar mas produzirá leite, mas a resposta foi enfática. "Uma amiga quase perdeu o filho desidratado. Ela pensava que tinha leite e não tinha".
Enfim, fiquei calada, com a tal cara de paisagem. Infelizmente ela deverá dar peito no máximo até dois ou três meses, o bebê vai acostumar e gostar mesmo da mamadeira. Quanto ao choro de "fome", imagine um bebê de um mês, andando solto, em um carrinho, no shopping. Nem no colo estava.... Mas cada um dá o acalento que sabe ou pode dar.... e viva o colo, o sling, a amamentação e todas as outras coisas que dão acalento ao bebê que acaba de chegar do útero e estranha um mundo tão tão grande, cheio de informações a serem decifradas...
Shopping, com um mês? Davi foi pela primeira vez em um pequeno (Ponteio Lar Shopping, em BH), para comprarmos um brinquedo, com três para quatro meses... Desde então deve ter ido menos de dez vezes, com muito orgulho. Eu não gosto de shopping, nem meu marido, e queremos passar outros valores além do consumismo... Lógico que iremos de vez em quando, mas sempre com alguma atividade, para comprar, lanchar ou ir ao cinema, nunca só para "passear", para isso tem praias, parques, calçadão, etc. Ainda mais morando num país  como o Brasil, com tantos atrativos.

Bom final de semana!

quinta-feira, 28 de outubro de 2010

Babá especial

Nos dias de frio em BH, entre 8/10 e 20/10, uma babá especial me ajudou a tomar conta do Davi e se saiu muito bem! Jade, a poodle de meus pais que faz parte da família. A interação entre ela e o pimpolho foi bem maior que em julho, quando ele nem percebia a existência da cadelinha. Ela sim, percebia e tinha ciúmes do mimo de todos da casa irem para o bebê ... Eu deixava ela cheirar o pezinho do meu filhote para se familiarizar com ele.
Agora em outubro, Jade respeitou muito Davi e ficou muito feliz quando eu ensinei ele a fazer carinho... o engraçado foi ela ficar dando a barriguinha para ele passar a mão toda vez que o via brincando no chão... Tudo supervisionado claro, mas deixei, sem querer o moleque puxar o rabinho dela... Ela ficou com medo... uma graça!

quarta-feira, 27 de outubro de 2010

Tanta coisa para se preocupar...toxidade de objetos, introdução alimentar...

O Universo da maternidade leva a gente a pensar em assuntos nunca antes questionados por nós. É o caso da nota citada abaixo, divulgada pelo Inmetro, o Instituto Nacional de Metrologia. A gente descobre que objetos aparentemente inocentes como forminha para brigadeiro e salgadinhos podem ter substâncias tóxicas...e aí vem a dúvida! Só para as crianças é tóxico??? E a gente, como vem se alimentando e intoxicando.

Tenho adotado cada vez mais opções naturais, com pouco conservantes e aditivos químicos. Não somos vegetarianos, mas os orgânicos predominam em casa (nem sempre encontramos tudo) e itens como tempero pronto, suco de caixinha e enlatados não fazem parte de nossa rotina...

É uma observação da mãe que nasceu há sete meses é se preocupa em criar um filho que se alimente bem, e opte o menos possível por alimentos trash...

Por falar nisso, a papinha de hoje ficou melhor que a de ontem (apesar do mesmos ingredientes: cenoura, batata, chuchu, músculo, cebola, tomate, coentro, alho e uma colherinha de óleo de canola)... Davi tomou bem mais que no primeiro dia, umas oito colheradas (ontem foram quatro).... Está se adaptando... Se bem que temos que dar um desconto...foi vacinado hoje e está meio incomodado!

para quem possa interessar segue a nota divulgada hoje pelo Inmetro:

Inmetro prevê mais segurança em festas infantis

Consulta pública pretende elaborar regulamentos a serem seguidos por fabricantes e comerciantes

Por trás de itens aparentemente inocentes que formam o kit básico das festinhas infantis há riscos iminentes, principalmente, para as crianças. É com essa certeza que o Instituto Nacional de Metrologia (Inmetro) está realizando consulta pública para elaborar um regulamento de certificação compulsória desses produtos. Entre as preocupações está a toxicidade dos materiais que ficam em contato direto com alimentos. Os testes verificarão, por exemplo, qual tinta é utilizada na impressão e no tingimento de pratos, guardanapos e forminhas, bem como o tipo de papelão usado. Todos os produtos passarão por ensaios físicos, mecânicos, químicos e, de acordo com a natureza do produto, por testes elétricos, acústicos e de ftalatos (substância tóxica). Entre as propostas incluídas está a rotulagem com identificação de faixa etária. O gerente de Programas de Avaliação da Conformidade do Inmetro, Gustavo Kuster, explica que com a certificação será fechado um ciclo de proteção às crianças de até 14 anos de idade, que se iniciou com a nos brinquedos e, logo depois, nos materiais escolares. A consulta pública vai até 22 de novembro.

Encontro de Bebês em BH II

Este encontro, na realidade, foi antes do post anterior. No dia 10 de outubro, um domingo, na casa da irmã da Júnia, em BH. Eu, Letícia e Júnia nos encontramos com nossos filhotes, Davi, Laura e as irmãs Stela e Sofia! Foi uma tarde deliciosa com a presença da priminha das meninas, Sara, que completou um aninho na véspera. As fotos da máquina de minha mãe, a vó Rosinha, ainda não estão comigo. Deixo aqui o registro feito pela tia Júnia. Ficou aquela pena... uma morando em BH, outra em Sampa e outra em Salvador. Mais um encontro a ser marcado nas férias, para a criançada se divertir!!!

segunda-feira, 25 de outubro de 2010

Encontro de Bebês em BH

No dia 11 de outubro, uma segunda-feira, Davi, Otto e Laura, filhotes de Katja, Míriam Kênia e de Letícia Duarte, se conheceram pessoalmente. Fomos almoçar na casa da irmã da Kênia poucas horas antes dela voltar para São Paulo (passou o final de semana). O encontro foi uma delícia, apesar de rápido. A integração dos bebês foi muito legal...Com direito a toque, descobertas e muita paparicação das vovós corujas, tias e priminhas (Otto é cheio de primas).
Deixo aqui o link de postagem da Miriam Kênia no blog dela.  O vídeo, sem edição, mostra Otto com sete meses, Davi com seis, e a caçulinha Laura, que completava seis meses naquela semana!
Vontade de morar na mesma cidade para conviver mais, mas feliz por saber que temos amigos espalhados pelo Brasil e que podemos promover vários encontros em locais distintos!!!

Descobrindo Sabores III

Já estamos há um mês com a introdução de alimentos e amanhã começamos com a papinha salgada. Uma aventura nos sabores de verduras, proteínas, derivados de leite e cerais. Deixa o moleque começar a experimentar que conto como está sendo a descoberta e aceitação dos alimentos!


O suco de laranja-lima, que no início era devorado por Davi, agora não está entre os prediletos. Lá em BH, acho que por falta de calor, ele bebia bem pouco, 10 a 20 mil, mas voltamos e a média continua. Hoje saí por umas duas horas e deixei ele dormindo. A cuidadora disse que quando acordou o pimpolho não aceitou o suquinho, nem na colherzinha (como tem sido sua preferência)...

Foi eu chegar em casa que Davi abriu aquele sorriso. Em alguns minutos tava mamando.... Preocupada em garantir vitamima para o baixinho, resolvi oferecer umas gominhas de tangerina. Ele amou... fez uma lambança... A pediatra disse para desencanar...tem dia que vai ser uma ou duas colheradas de suco. "A base da alimentação dele ainda é o leite materno. Ele está sendo apresentado aos alimentos", me tranquilizou...

Enfim, fica o registro...

domingo, 24 de outubro de 2010

Domingo de Sol

Hoje nós três passamos um domingo diferente... O dia estava lindo e ensolarado e o programa era o almoço na casa de Cândida, minha grande amiga que mora em Itapoã. Levei a tradicional carne gelada (receita de família). Saímos pouco depois das 11h aqui da Pituba, resolvemos ir pela orla. O trajeto foi mais longo já que passamos por uma carreada pró-Dilma, primeiro ato político de Davi (poucos dias antes de completar sete meses)...

Bom, mas voltando ao domingo. Teve direito a banho de banheira ao ar livre e banho de piscina...com papai e mamãe....e o pimpolho não ficou com medo!!! Tomara que os domingos de sol agora permaneçam, afinal, nunca choveu tanto em Salvador como neste ano! Até o próximo post...Tô com sono!

sexta-feira, 22 de outubro de 2010

De volta ao ar...Após 12 dias em BH ...

Foram 15 dias sem aparecer por aqui! Desde lá muitas novidades. Eu e Davi passamos 12 dias em Belo Horizonte. Além de visitar os avós (maternos) e tios (meus irmãos)... Fomos batizar o pimpolho. Sim, dia 16 de outubro, sábado passado, Davi ingressou oficialmente na vida cristã, renasceu em Cristo. Foi tudo muito simples, eu, Lu e Davi, nossos pais e irmãos (menos Raquel, irmã do Lu, que mora em Fortaleza, e não pode participar pessoalmente) e amigos especiais. Carlos, Dani e Stela  (mãe da querida amiga Débora) foram à igreja Nossa Mãe da Igreja. Eles juntaram-se a nós num almoço no salão de festa dos meus pais. Nanda, Poli e Robson chegaram pouco mais tarde e prestigiaram o cardápio: salada de bacalhau com grão de bico (preparados pela minha mãe), berigela e pãezinhos de entrada e um delicioso rondele. A sobremesa foi um doce feito por minha mãe, de coco...
Padre Auricélio, que veio do Pará para dar o primeiro sacramento do filhote foi também padrinho de consagração de Davi! Ao londo dos próximos dias vou postar algumas notas sobre a viagem que teve direito a dois encontros deliciosos de bebês, mas isso é assunto para outra nota... Por enquanto vai uma foto do Davi com padre Auricélio, na véspera do batizado, quando se conheceram pessoalmente!

quarta-feira, 6 de outubro de 2010

Descobrindo sabores II

Hoje faz uma semana que Davi começou a experimentar frutas, suco, chá e água. A introdução de alimentos está sendo tranquila e devagar... Esta semana tem ajudado bastante já que além do leite que deixo (congelado), ele comeu frutas. Consegui marcar as entrevistas para perto da hora da frutinha dele.
Mas vamos às primeiras observações:
1) O moleque gostou de maçã, adorou pêra (comeu rindo, chorou quando acabou), comeu pouco banana e gostou muito de melão.
2) Aprovou o suco de laranja-lima puro e com pêra. Não curtiu muito o suco da laranja-lima com melão. O chá de camomila não curtiu.
3) A água aceita bem algumas vezes (quando deve estar com sede) e outras não.
4) A refeição predileta continua sendo o leite materno, principalmente quando direto da fonte...

Mas o menino parece que vai ser bom de boca...

Primeira Eleição

Domingo (3/10) Davi foi votar duas vezes. Me acompanhou na TRE-BA para votarmos em trânsito para presidente e Fomos com o pai votar, lá em Itapoã. O moleque fez sucesso no sling. E como deu segundo turno vamos repetir no final do mês...
Fica o Registro

sábado, 2 de outubro de 2010

Meu primeiro carrinho

Fica o registro, desde terça-feira (28/09), Davi fica por bons minutos sentado, brincando, sem cair... Ou cai de bruços e vira... uma graça. E já descobriu que o bracinho ajuda no equilíbrio... Acima uma foto dele com o seu primero carrinho!!!

Pérolas contra a o Leite Materno

Como escrevi na última postagem Davi começou a comer algumas frutinhas e a tomar suco. Mas são quantidades ínfimas, alimentação complementar ao leite materno, que continua sendo a principal comida do pimpolho. Na quinta-feira (30/09), estava eu aqui em casa, com ele e a nossa ajudante, Nide. E ela me solta a seguinte pérola: "Engraçado, quando a criança começa a comer de tudo, desenvolve né? Foi comer maçã e Davi já está sentando!!!". Mais uma vez o Leite Materno é o culpado pela falta de desenvolvimento dos bebês....Santa ignorância, não podia deixar de registrar...meia maçã e 80 ml de suco de laranja são suficientes para fazer um bebê de seis meses sentar!!! Puts... sem comentário