sexta-feira, 24 de dezembro de 2010

Pintando e Bordando

Desde que chegamos em BH, no dia 10, Davi tem pintando e bordado. Além de curtir os Avós maternos (Rosinha e Fernando, meus pais), tem se esbaldado com a Jade (nossa cadelinha, uma poodle). Ele chama a danadinha para fazer carinho nela e joga a bola para ela. Aliás, essa é uma das brincadeiras prediletas do pimpolho atualmente, jogar bola!. Davi também teve alguns encontros com outros bebês: o Henry e a Giovana, filhos das irmãs, Dani e Tati (minhas vizinhas). Passaram um final de tarde delicioso, brincando e se descobrindo. Tem também o João Pedro, vizinho do prédio que tem a mesma idade de Davi. Eles passaram uma tarde juntos, brincando, uma delícia.
A piscina de Davi tem sido usada quase todo dia, para matar o calorão de BH...e até mesmo a piscina do prédio (e sua água gelada), ele aprovou... A mamãe aqui morre de frio, mas o danadinho nem demonstra vontade de sair...
Tem muita coisa para contar, meu aniversário com a família, amigos e o filhote. Novas descobertas de sabores pelo Davi, cada vez mais guloso, o reencontro com o padrinho (que chegou ontem de viagem), e tantas outras novidades, mas escrevo logo mais em outro post... Estou sem computador (deu pau no notebook) e Davi me chama para brincar... Afinal, é véspera de Natal e estamos nos preparando para ver o que Papai Noel nos reserva.
Prometo fotos nos próximos posts, agora não estou conseguindo abrir meu celular nesta máquina!!!

quarta-feira, 15 de dezembro de 2010

Sentando sozinho...

Desde a última segunda-feira (13/12), Davi tem sentado sozinho... Aliás, o desenvolvimento dele está muito rápido...chegamos em BH na sexta pela manhã e na segunda já estava sentando... Lé em Fortaleza eu já tinha percebido que ele estava mais ágil, brincando sentadinho. Agora, nestes dias, tem se esticado todo para pegar objetos e tentando engatinhar... deve estar bem próximo... Queria deixar o registro... depois conto sobre a viagem e as aventuras do Davi na casa dos avós (meus pais)... Desde outubro eles não viam o pimpolho e perceberam muito a evolução dele!!! Até o próximo post!

quinta-feira, 9 de dezembro de 2010

Batizado da priminha...

Nossa, dez dias voaram, vamos embora de Fortaleza na madrugada desta sexta-feira (dia 10/12)! Passeamos bastante, Davi foi apresentado a tias e tios do pai, aproveitou muito a prima Rebeca e prestigiou o Batizado e a festa de um aninho...

Este post é um registro da cerimônia do Batizado, muito simples e bonita, na Igreja Nossa Senhora da Graça, no Hospital do Exército em Fortaleza. O padre falou sobre a importância do batismo e o início da vida cristã, e a Rebeca, como era de se esperar, chorou com a água fria.

Rebeca com os padrinhos e tios (Luciano e Marisa)


Depois fomos ao restaurante Parque Recreio, para um jantar e bolo. Davi, ficou muito falante durante o batizado e só sossegou, depois de muito "falar com todos", quando mamou no sling... apagou, colocamos no bebê conforto e voltamos pra casa... Mais tarde escrevo mais sobre nossa passagem em Fortaleza.

quinta-feira, 2 de dezembro de 2010

Início das Férias

Dia 30 à noite pegamos o vôo de Salvador para Fortaleza. Foi o início de nossas férias: 30 dias fora de Salvador. Nossa maior preocupação é conseguir um mínimo de rotina para que Davi também aproveite o passeio. Afinal, bebê precisa de rotina para se sentir bem, ficar com bom humor... Ele ficou no máximo 15 dias fora de casa quando foi a primeira vez em BH (em julho).
Saímos de casa com ele sonolento. Dormiu ainda no Taxi para o aeroporto. Acordou na sala de espera para mamar e apagou novamente (sempre no sling). Embarcamos e foi dormindo e relaxado. Na hora que chegou, acordou assustado, provavelmente com dor no ovido. Depois de mamar e ficar mais calmo, mas aí ficou aceso, querendo ver todas as novidades: as pessoas no vôo, as bagagens chegando...


Davi e Rebeca tomando sol pela manhã cedinho

Os tios Raquel (minha cunhada) e Ernane foram buscar a gente e o avô Antônio (meu sogro), que também pegou o mesmo vôo. A priminha, Rebeca já estava dormindo (chegamos depois das 22h). Davi ficou encantado com a tia...ficou "conversando com ela um tempão". Chegamos em casa, ele encontrou a avó Nelma (minha sogra) e a tia Marisa, que estava há um mês curtindo a sobrinha/afilhada. O pimpolho ficou cerca de meia hora com todos e logo fui colocá-lo para dormir... Demorou mais que o costume, afinal, quarto diferente, casa mais cheia, mas tenho conseguido manter a rotina. 
Banho de sol, banho, refeições, brincadeiras, sonecas. O número de banhos teve que aumentar e ele tem ficado elétrico com as brincadeiras, afinal, tem a priminha, uma novidade!!!  Ontem a noite foi o batizado de Rebeca, mas sobre isso escrevo outro post... Agora vou aproveitar que Davi dormiu para tomar um banho!!!

segunda-feira, 29 de novembro de 2010

Desmame Noturno

Hoje fomos para a consulta do oitavo mês de Davi. O rapazinho cresceu bastante... A nova dieta (com mais refeições), já pode ser implementada aos poucos. É que ficaremos fora de casa por um mês, mudando um pouco a rotina dele...e mudanças bruscas, como viagem e de alimentação, devem ser feitas aos poucos. As palavras (não literais) são da pediatra... Ela sugeriu ainda o desmame noturno, a partir de meia noite... mas eu questionei se eu o deixaria chorando até dormir... Método que sou totalmente contrária... (tipo o Nana Nenê).

A Dr. disse que sim, que seria bom para mim e para o bebê. Depois de ouvir meus argumentos contrários à ideia, ela disse sou uma pessoa bem informada e que poderia seguir o que achasse conveniente: "confio no seu feeling", disse.

A decisão está tomada mas andei pesquisando, para subsidiar nossa escolha...Ao navegar pelo vasto mundo da Net me deparei com um belo artigo do Dr. Gordon, parte do seu livro Soluções para Noites sem Choro, que me muniu de informações técnicas que me permitem adiar o desmame noturno para o primeiro aninho do pimpolho... Vale dar uma olhada no link disponível no nome do médico...

Achei também o artigo A IMPORTÂNCIA CRUCIAL DOS PRIMEIROS ANOS DE VIDA: COM A PALAVRA, O BEBÊ, muito bom...vale a leitura de ambos...

vou nessa que o filhote dormiu cedo e estou arrumando as malas... 
Davi começou a virar para dormir de bruços, principalmente nas sonecas diurnas!


domingo, 28 de novembro de 2010

Mãe e Muito Mais...

Contagem regressiva para as férias (ficaremos 30 dias fora de Salvador)! Dia 30 vamos para Fortaleza, passear e prestigiar o primeiro aninho e o batizado da Rebeca, nossa sobrinha e afilhada do Luciano. Depois, passaremos 20 dias em BH, para curtir amigos, minha família, o Natal e finalmente apresentar com calma a cidade (e região) para o Lu, que sempre foi em viagens corridas...
Hoje eu e Davi fomos ao nosso último encontro Mãe e Muito Mais este ano. Mais uma tarde gostosa no Museu da Criança. O próximo será dia 12 de dezembro e estaremos fora... A atividade e bate-papo foi voltada para crianças maiores: pintura e colagem. Mas a mamãe aqui resolveu aproveitar o dia lindo e fazer sua arte, com o filhote de molde (o pezinho). Além disso, aproveitei para bater-papo e reencontrar as amigas que surgiram em razão da maternidade e da busca por oferecer algo melhor, que faça diferença, para nossos filhos. A Nádia, como sempre, organizou um encontro muito legal e está com o barrigão lindo de mais uma menina...
Grupo de mãs e filhotes que participaram do encontro neste domingo (28/11). A foto é da Nádia
Durante as férias prometo aparecer para ir dando nótícias, mas os textos vão ser mais curtos, para aproveitar o tempo livre e dar conta de cuidar do pimpolho... Deixa eu ir que tenho mala pra arrumar....

quinta-feira, 25 de novembro de 2010

Carrinho e afins...

Ontem falei da importância do carrinho, um dos acessórios mais valorizados no mundo da maternagem (por mães, pais, avós, tios e vendedores)... Mas na prática, se a pessoa tem um sling para carregar o bebê, possui moiséis em casa para as sonecas (confesso que preferi o carrinho), sempre dispõe de carrinhos públicos, em shoppings, supermercados, aeroportos, etc.... Tudo bem, aqui em Salvador não são todos os shoppings, mas eu também não sou daquelas viciadas em shopping e sempre que posso deixo Davi em casa para resolver algo por lá rapidinho...acho melhor...

O carrinho é ergonômico e prático, mas falta o cinto
Mas sobre os carrinhos públicos, um item me preocupa, a falta de segurança. Em muitos deles o cinto de segurança está quebrado, e aí o confiorto vira dor de cabeça. Até quando eu dou comida para o Davi no carrinho, aqui em casa, coloco o cinto, e mesmo quando ele fica alguns minutos em casa. Então imagina o risco de você ficar zanzando pra lá e pra cá com um bebê solto no carrinho... Aconteceu no aeroporto de BH e no Salvador Shopping. Relaxei o braço, mas fiquei ligada, para evitar eventual acidente... O registro tá aí no post: o carrinho de BH foi no dia 20 de outubro e o do Salvador Shopping poucos dias depois
Além de ser bambo (falta de manutenção), o cinto estava quebrado

quarta-feira, 24 de novembro de 2010

Carrinho? Mas onde????

Um dos acessórios para bebês mas propagados é o carrinho. Não nego sua utilidade. Davi usa desde os primeiros dias de vida... Temos aquele que é tipo um berço, e muitas vezes a sonequinha dele era por perto, supervisionada pela mamãe. Também é útil quando saímos para jantar na casa de alguém e deixamos ele lá, dormindo... seguro pelo cinto...
O banho de sol, mesmo no início, no play, sempre foi no carrinho e às vezes, quando ele está disposto, fica brincando alguns minutos enquanto tomamos café-da-manhã (a maior parte das vezes é no chão que ele fica mesmo, brincando e chamando a atenção da gente...). Mas a maior utilidade do carrinho são os passeios em praça ou até shoppings... Davi fica feliz, olhando tudo ... (se bem que no shopping ele cansa logo e o proximo passo é ficar aconchegado no sling, e dormir)...
Agora com a introdução de alimentos, por enquanto (até a volta das férias) é onde ele come as papinhas (doces e salgadas). O cadeirão, deixamos para comprar em janeiro, já que viajaremos um mês (isso renderá outro post dia desses).
Mas outro dia vi uma cena que me chocou... duas mulheres e um bebê, andando de carrinho na rua... O choque foi a falta de infra-estrutura... Quem tem carro pega o acessório, põe no porta-malas e vai pra onde tem que ir...é só tirar o carrinho, abrir e pronto... Agora quem não tem carro e teoricamente usaria muito mais o acessório, não tem simplesmente acessibilidade... Ontem mesmo vi outra mãe que para atravessar a minha rua andou quase meio quarteirão para poder atravessar sem tirar o neném (que dormia) do carrinho...um sacrifício...
Maratona para atravessar Território do Amapá!!
Então fica a pergunta, sobretudo para as prefeituras e governos. E a acessibilidade dos bebês (que nem sempre podem ficar no colinho das mães... às vezes elas têm outros filhos, carregam um monte de coisa...)? Não teriam eles direito de ir e vir? Mesmo sem ter um carro que o leve para os melhores passeios???

domingo, 21 de novembro de 2010

Balde aliado...

Davi ainda toma banho de balde...é obrigatoriamente o banho da noite, mas em dia de febre (como ontem) serviou para aqueles banhos rapidos, para tirar o suor da criança, ao longo do dia. Hoje foram três banhos...dois de balde e um de banheira (que ele adora também)... Mas no balde fica aconchegado, é rápido e fácil...
Na nossa última ida a BH (em outubro), após alguns dias de banho só na banheira, achei que ele tá sentindo falta...tentamos com o balde que minha mãe tinha comprado na nossa primeira visita, em julho...Bom, nem precisa dizer que foi felicidade só...Acima destaco o clique, feito há mais de um mês..
Veremos se em dezembro ele caberá no balde...

Vacina, dente ou fase????

Sexta-feira Davi tomou a vacina da Hepatite B, menos de uma hora depois já estava com febre... É sempre assim, os efeitos de vacina são tão forte que a criança (pelo menos nosso pimpolho), que dá pena de levar para tomar. Geralmente ele fica irritado, com insônia. Hoje a tarde ele ainda teve nova febre e lá se foram quatro banhos até agora (acabo de deixá-lo no berço...
Aliado há isso, há pelo menos duas semanas o padrão de sono do filhote, que costuma acordar uma ou duas vezes, depois de cair no sono, mudou bastante... Chegou a acordar de uma em uma hora, noite dessas, nem sempre querendo mamar...
Será dente? Afinal há um mês tem babado como ninguém e ainda por cima fica louco para morder tudo e coçar a gengiva.... Pode ser a introdução alimentar, afinal ele tem aceitado bem frutas e papinha salgada, não deixa de mudar o organismo.
Enquanto não descobrimos o motivo vamos tentando manter a rotina de ao menos duas sonecas por dia (que conseguimos finalmente implantar...mesmo que a muito custo),que segundo especialistas ajuda no sono noturno! O resto é muita brincadeira, carinho e compreensão...

quinta-feira, 18 de novembro de 2010

Hora de Brincar II

É bom demais...começa às cinco da manhã, não acaba nunca!!!!

Esse clique foi feito pela tia Marisa (irmã do Luk) no dia do Batizado (16/10/2010)

quarta-feira, 17 de novembro de 2010

Hora de Brincar

A primeira coisa que uma mulher deve pensar antes de ser mãe é que vai ter que reservar um horário na agenda para brincar. Na verdade, vários horários. É cansativo, porque às vezes você ficou entretida com muito trabalho, afazeres da casa, compras, etc. Mas é revigorante! Contraditório? Eu explico!
O bebê vai crescendo, desenvolvendo, descobrindo o mundo. E nada mais gostoso que brincar para descobrir possibilidades, esconde esconde, beijos e abraços, empilhar bloquinhos, ficar de bruços, sentado...enfim... cada um vai inventando sua fórmula... E estes pequenos demandam tempo e atenção.
Desde a semana passada estou concentrada nos textos de uma Revista para a qual colaboro. Além das fugidas para entrevistas (tento me ausentar no máximo duas horas), tenho que revesar meus momentos de concentração (para escrever) com brincadeiras com Davi. Sei que é um preço que pago pelo que escolhi. Não temos  babá, mas uma ajudante em casa que também cuida dele nos momentos que estou fora ou com algum outro afazer. É uma ajuda, mas a grande carga fica mesmo comigo (não estou reclamando). Papinhas dele, eu faço. Uma vez ela adiantou enquanto eu estava fazendo uma entrevista, frutas, eu ofereço, salvo se necessitar de ficar concentrada... Enfim... este post é mais uma partilha, estou cheia de assunto para escrever aqui, mas só quando terminar os textos da revista!! 

sexta-feira, 12 de novembro de 2010

Querendo Engatinhar...

Começo há cerca de um mês, quando estávamos em BH, para o Batizado. Ele tinha completado seis meses há alguns dias e passou a fazer força com os braços quando virava ele de bruços, durante o banho.... Comecei a testar...deixar ele segurar o corpo com os bracinhos e as perninhas dobradas, dentro da banheira... uma alegria...
Desde então virar de barriga para cima, de um lado para o outro, passou a ficar entre as brincadeiras prediletas...Assim como ficar de bruços, e tentar buscar os brinquedinhos... Outra brincadeira que "ele inventou" foi o sapinho: você coloca ele no colo e dá impulso com as perninhas... Ele descobriu que tem forças e que pode se movimentar... é uma alegria só!!!
 Nos últimos 15 dias, sentadinho, vai buscar brinquedos e volta, dobra as perninhas e vai minhocando.... acho que em pouco tempo vamos ter que "correr " atrás do pimpolho...Também se apoia para tentar levantar...


Veremos...

quarta-feira, 10 de novembro de 2010

Trabalhar em Casa, jornada tripla

Desde que resolvemos ter um filho optei por viver como freelancer em Salvador. A decisão coincidiu com nossa relativamente recente mudança para a cidade, depois de alguns anos em Brasília. Me adaptar à nova rotina foi difícil. No início me sentia muito só. Cheguei a sair para simplesmente dar uma volta no quarteirão e conversar com alguém.
Mas com a chegada de Davi, em março, vi que a decisão foi acertada. Posso ficar muito tempo com ele. Só voltei a trabalhar quando ele estava com cinco meses. Fiquei quatro meses recebendo o salário maternidade do INSS. A nova rotina é dura: Acordar às cinco com o pimpolho super disposto, dispor de pouco tempo para repor as energias durante os dias que tem trabalho.
Tento agendar as entrevistas de forma a coincidir com alguma soneca dele, para amenizar a saudade, e agora, com as refeições, que estão sendo introduzidas, uma forma de evitar a saga de tirar leite (para mim muito tensa)...
É difícil, vira uma tripla jornada: administrar a casa e a empregada, cuidar do filho e do marido, e se organizar para o trabalho, mas tá valendo a pena... É um privilégio poder acompanhar de perto o desenvolvimento do meu bebê... mesmo que fique como agora...morta de sono...

domingo, 7 de novembro de 2010

Novos Sabores

Já faz um mês e meio que começamos a conhecer os novos sabores, além do Leite Materno. As frutas, super aprovadas até agora foram: maçã, pêra, banana, mamão, melão, ameixa, abacate, melância, tangerina. Ainda falta algumas para a lista, mas vamos apresentando devagarinho. Aliás, a introdução de alimentos está sendo feita de forma descontraída, sem pressões... para o moleque associar a alimentação com prazer e não imposição...
O suco de laranja-lima, que no início fez sucesso, o pimpolho não aceita mais...faz cara de nojo... estou tentando misturar com algumas frutas, com cenoura, mas ele prefere mesmo comer a tomar suquinho...
De laticínio provou o queijo Cottage, gostou, se lambuzou, o iogurte natural também gostou, mas tomou pouco, logo depois pediu o mamá, comidinha predileta ainda... A gema do ovo comeu, mas bem poquinho...vamos tentar mais...
As papas salgadas estão sendo provadas, ainda come pouco, uma média de 10 a 12 colheres por refeição, às vezes mais, às vezes menos. A que mais gostou até agora foi de carne, mandioca, abóbora e couve (comeu um pratinho todo), também comeu bem a de carne, batata, abrobrinha e cenoura... Hoje vai experimentar uma de frango, batata-doce e espinafre...

Praia é tudo de bom

Como eu disse, foi no dia 2 de novembro, no Porto da Barra, a estreia de Davi no mar. O moleque tinha acabado de fazer sete meses e ficou bem confortável... aí vai um clique, que chamo de horizonte...ele e o pai adimirando a beleza do mar...e um vídeo, comigo, na água!

Horizonte, por Katja Polisseni
Em tempo, ele adorou a areia e brincou bastante... (não colocou na boca... ainda....)

sexta-feira, 5 de novembro de 2010

Encantado com a Natureza


praça Ana Lúcia, na Pituba

Hoje quero falar sobre o final de semana prolongado, que foi uma delícia (semana passada até terça). Sábado (30/10) aniversário de Luciano, papai do Davi, fomos na "Varanda do Luciano", restaurante que nosso querido amigo montou na casa dele após desativar a Barraca do Luciano, point da esquerda e de intelectuais durante 20 anos em Pituaçu. Tudo muito simples, fomos nós três, os pais do Lu e a irmã Marisa...
O dia estava lindo, montamos um cantinho pra Davi brincar no chão e passamos momentos deliciosos. Além de curtirmos a comida, papearmos, Davi dormiu no sofá do anfitreão e amou a rede embaixo das árvores... Gargalhava ao sim dos pássaros e vendo o verde... Domingo o programa foi a tradicional pracinha Ana Lúcia, no fim de Linha da Pituba, mais uma vez ele se encantou com as árvores e o céu, muito azul... Na terça, dia 2, madrugamos e fomos pra a praia do Porto da Barra. O pimpolho aprovou. Ficamos 50 minutos e o moleque aproveitou muito a areia, ficou um pouco na água (sem choro), no meu colo e no do pai, e ainda bebeu muita água.
Dormiu no sling antes de chegarmos no carro e adormeceu com um semblante de paz. E hoje começa mais um final de semana que também promete...temos um aniversário infantil domingo e amanhã vamos inventar algo ao ar livre, mas isso eu conto depois!!!

quinta-feira, 4 de novembro de 2010

Interagindo com outras crianças

Desde que Davi nasceu fazemos questão que ele tenha contato com outras crianças, sobretudo bebês. A priminha Rebeca (que mora em Fortaleza mas vem passear), os coleguinhas do grupo Mãe e Muito Mais, como o Pedro, da mesma idade, os coleguinhas da Yoga, com destaque para o Arthur, que começou junto, os colegas da roda de bebê e o novo coleguinha da pracinha, Lucas.
O olhar atento e curioso permanece, mas agora está aflorado. Na yoga cada vez mais Davi e Arthur interagem, trocam brinquedos, se tocam, se olham. Na segunda recebemos visita, o Caique, sobrinho de minha afilhada Patrícia. Ele tem cinco anos. Ofereci o tapete onde Davi brinca para ele (que ficou brincando de carrinho e jogo da memória enquanto Davi se divertia com seus mordedores. Resolvi levar o pimpolho para o sofá, mas o pescoço não parava, ficava curioso para saber o que o amiguinho estava fazendo...

No post dois cliques (acima): com Arthur, semana passada na yoga, e na segunda, observando nossa visita: Caíque!

sábado, 30 de outubro de 2010

Sala de amamentação I

Na sala de amamentação de um shopping de Salvador ouço a seguinte pérolas de uma moça - simpática por sinal - com um bebê de um mês que berrava de "fome". "Eu não tenho leite...o pediatra mandou complementou (com Nan) e disse para eu dar o peito só pela manhã e à noite, para ele dormir. Argumentei que quanto mais ela amamentar mas produzirá leite, mas a resposta foi enfática. "Uma amiga quase perdeu o filho desidratado. Ela pensava que tinha leite e não tinha".
Enfim, fiquei calada, com a tal cara de paisagem. Infelizmente ela deverá dar peito no máximo até dois ou três meses, o bebê vai acostumar e gostar mesmo da mamadeira. Quanto ao choro de "fome", imagine um bebê de um mês, andando solto, em um carrinho, no shopping. Nem no colo estava.... Mas cada um dá o acalento que sabe ou pode dar.... e viva o colo, o sling, a amamentação e todas as outras coisas que dão acalento ao bebê que acaba de chegar do útero e estranha um mundo tão tão grande, cheio de informações a serem decifradas...
Shopping, com um mês? Davi foi pela primeira vez em um pequeno (Ponteio Lar Shopping, em BH), para comprarmos um brinquedo, com três para quatro meses... Desde então deve ter ido menos de dez vezes, com muito orgulho. Eu não gosto de shopping, nem meu marido, e queremos passar outros valores além do consumismo... Lógico que iremos de vez em quando, mas sempre com alguma atividade, para comprar, lanchar ou ir ao cinema, nunca só para "passear", para isso tem praias, parques, calçadão, etc. Ainda mais morando num país  como o Brasil, com tantos atrativos.

Bom final de semana!

quinta-feira, 28 de outubro de 2010

Babá especial

Nos dias de frio em BH, entre 8/10 e 20/10, uma babá especial me ajudou a tomar conta do Davi e se saiu muito bem! Jade, a poodle de meus pais que faz parte da família. A interação entre ela e o pimpolho foi bem maior que em julho, quando ele nem percebia a existência da cadelinha. Ela sim, percebia e tinha ciúmes do mimo de todos da casa irem para o bebê ... Eu deixava ela cheirar o pezinho do meu filhote para se familiarizar com ele.
Agora em outubro, Jade respeitou muito Davi e ficou muito feliz quando eu ensinei ele a fazer carinho... o engraçado foi ela ficar dando a barriguinha para ele passar a mão toda vez que o via brincando no chão... Tudo supervisionado claro, mas deixei, sem querer o moleque puxar o rabinho dela... Ela ficou com medo... uma graça!

quarta-feira, 27 de outubro de 2010

Tanta coisa para se preocupar...toxidade de objetos, introdução alimentar...

O Universo da maternidade leva a gente a pensar em assuntos nunca antes questionados por nós. É o caso da nota citada abaixo, divulgada pelo Inmetro, o Instituto Nacional de Metrologia. A gente descobre que objetos aparentemente inocentes como forminha para brigadeiro e salgadinhos podem ter substâncias tóxicas...e aí vem a dúvida! Só para as crianças é tóxico??? E a gente, como vem se alimentando e intoxicando.

Tenho adotado cada vez mais opções naturais, com pouco conservantes e aditivos químicos. Não somos vegetarianos, mas os orgânicos predominam em casa (nem sempre encontramos tudo) e itens como tempero pronto, suco de caixinha e enlatados não fazem parte de nossa rotina...

É uma observação da mãe que nasceu há sete meses é se preocupa em criar um filho que se alimente bem, e opte o menos possível por alimentos trash...

Por falar nisso, a papinha de hoje ficou melhor que a de ontem (apesar do mesmos ingredientes: cenoura, batata, chuchu, músculo, cebola, tomate, coentro, alho e uma colherinha de óleo de canola)... Davi tomou bem mais que no primeiro dia, umas oito colheradas (ontem foram quatro).... Está se adaptando... Se bem que temos que dar um desconto...foi vacinado hoje e está meio incomodado!

para quem possa interessar segue a nota divulgada hoje pelo Inmetro:

Inmetro prevê mais segurança em festas infantis

Consulta pública pretende elaborar regulamentos a serem seguidos por fabricantes e comerciantes

Por trás de itens aparentemente inocentes que formam o kit básico das festinhas infantis há riscos iminentes, principalmente, para as crianças. É com essa certeza que o Instituto Nacional de Metrologia (Inmetro) está realizando consulta pública para elaborar um regulamento de certificação compulsória desses produtos. Entre as preocupações está a toxicidade dos materiais que ficam em contato direto com alimentos. Os testes verificarão, por exemplo, qual tinta é utilizada na impressão e no tingimento de pratos, guardanapos e forminhas, bem como o tipo de papelão usado. Todos os produtos passarão por ensaios físicos, mecânicos, químicos e, de acordo com a natureza do produto, por testes elétricos, acústicos e de ftalatos (substância tóxica). Entre as propostas incluídas está a rotulagem com identificação de faixa etária. O gerente de Programas de Avaliação da Conformidade do Inmetro, Gustavo Kuster, explica que com a certificação será fechado um ciclo de proteção às crianças de até 14 anos de idade, que se iniciou com a nos brinquedos e, logo depois, nos materiais escolares. A consulta pública vai até 22 de novembro.

Encontro de Bebês em BH II

Este encontro, na realidade, foi antes do post anterior. No dia 10 de outubro, um domingo, na casa da irmã da Júnia, em BH. Eu, Letícia e Júnia nos encontramos com nossos filhotes, Davi, Laura e as irmãs Stela e Sofia! Foi uma tarde deliciosa com a presença da priminha das meninas, Sara, que completou um aninho na véspera. As fotos da máquina de minha mãe, a vó Rosinha, ainda não estão comigo. Deixo aqui o registro feito pela tia Júnia. Ficou aquela pena... uma morando em BH, outra em Sampa e outra em Salvador. Mais um encontro a ser marcado nas férias, para a criançada se divertir!!!

segunda-feira, 25 de outubro de 2010

Encontro de Bebês em BH

No dia 11 de outubro, uma segunda-feira, Davi, Otto e Laura, filhotes de Katja, Míriam Kênia e de Letícia Duarte, se conheceram pessoalmente. Fomos almoçar na casa da irmã da Kênia poucas horas antes dela voltar para São Paulo (passou o final de semana). O encontro foi uma delícia, apesar de rápido. A integração dos bebês foi muito legal...Com direito a toque, descobertas e muita paparicação das vovós corujas, tias e priminhas (Otto é cheio de primas).
Deixo aqui o link de postagem da Miriam Kênia no blog dela.  O vídeo, sem edição, mostra Otto com sete meses, Davi com seis, e a caçulinha Laura, que completava seis meses naquela semana!
Vontade de morar na mesma cidade para conviver mais, mas feliz por saber que temos amigos espalhados pelo Brasil e que podemos promover vários encontros em locais distintos!!!

Descobrindo Sabores III

Já estamos há um mês com a introdução de alimentos e amanhã começamos com a papinha salgada. Uma aventura nos sabores de verduras, proteínas, derivados de leite e cerais. Deixa o moleque começar a experimentar que conto como está sendo a descoberta e aceitação dos alimentos!


O suco de laranja-lima, que no início era devorado por Davi, agora não está entre os prediletos. Lá em BH, acho que por falta de calor, ele bebia bem pouco, 10 a 20 mil, mas voltamos e a média continua. Hoje saí por umas duas horas e deixei ele dormindo. A cuidadora disse que quando acordou o pimpolho não aceitou o suquinho, nem na colherzinha (como tem sido sua preferência)...

Foi eu chegar em casa que Davi abriu aquele sorriso. Em alguns minutos tava mamando.... Preocupada em garantir vitamima para o baixinho, resolvi oferecer umas gominhas de tangerina. Ele amou... fez uma lambança... A pediatra disse para desencanar...tem dia que vai ser uma ou duas colheradas de suco. "A base da alimentação dele ainda é o leite materno. Ele está sendo apresentado aos alimentos", me tranquilizou...

Enfim, fica o registro...

domingo, 24 de outubro de 2010

Domingo de Sol

Hoje nós três passamos um domingo diferente... O dia estava lindo e ensolarado e o programa era o almoço na casa de Cândida, minha grande amiga que mora em Itapoã. Levei a tradicional carne gelada (receita de família). Saímos pouco depois das 11h aqui da Pituba, resolvemos ir pela orla. O trajeto foi mais longo já que passamos por uma carreada pró-Dilma, primeiro ato político de Davi (poucos dias antes de completar sete meses)...

Bom, mas voltando ao domingo. Teve direito a banho de banheira ao ar livre e banho de piscina...com papai e mamãe....e o pimpolho não ficou com medo!!! Tomara que os domingos de sol agora permaneçam, afinal, nunca choveu tanto em Salvador como neste ano! Até o próximo post...Tô com sono!

sexta-feira, 22 de outubro de 2010

De volta ao ar...Após 12 dias em BH ...

Foram 15 dias sem aparecer por aqui! Desde lá muitas novidades. Eu e Davi passamos 12 dias em Belo Horizonte. Além de visitar os avós (maternos) e tios (meus irmãos)... Fomos batizar o pimpolho. Sim, dia 16 de outubro, sábado passado, Davi ingressou oficialmente na vida cristã, renasceu em Cristo. Foi tudo muito simples, eu, Lu e Davi, nossos pais e irmãos (menos Raquel, irmã do Lu, que mora em Fortaleza, e não pode participar pessoalmente) e amigos especiais. Carlos, Dani e Stela  (mãe da querida amiga Débora) foram à igreja Nossa Mãe da Igreja. Eles juntaram-se a nós num almoço no salão de festa dos meus pais. Nanda, Poli e Robson chegaram pouco mais tarde e prestigiaram o cardápio: salada de bacalhau com grão de bico (preparados pela minha mãe), berigela e pãezinhos de entrada e um delicioso rondele. A sobremesa foi um doce feito por minha mãe, de coco...
Padre Auricélio, que veio do Pará para dar o primeiro sacramento do filhote foi também padrinho de consagração de Davi! Ao londo dos próximos dias vou postar algumas notas sobre a viagem que teve direito a dois encontros deliciosos de bebês, mas isso é assunto para outra nota... Por enquanto vai uma foto do Davi com padre Auricélio, na véspera do batizado, quando se conheceram pessoalmente!

quarta-feira, 6 de outubro de 2010

Descobrindo sabores II

Hoje faz uma semana que Davi começou a experimentar frutas, suco, chá e água. A introdução de alimentos está sendo tranquila e devagar... Esta semana tem ajudado bastante já que além do leite que deixo (congelado), ele comeu frutas. Consegui marcar as entrevistas para perto da hora da frutinha dele.
Mas vamos às primeiras observações:
1) O moleque gostou de maçã, adorou pêra (comeu rindo, chorou quando acabou), comeu pouco banana e gostou muito de melão.
2) Aprovou o suco de laranja-lima puro e com pêra. Não curtiu muito o suco da laranja-lima com melão. O chá de camomila não curtiu.
3) A água aceita bem algumas vezes (quando deve estar com sede) e outras não.
4) A refeição predileta continua sendo o leite materno, principalmente quando direto da fonte...

Mas o menino parece que vai ser bom de boca...

Primeira Eleição

Domingo (3/10) Davi foi votar duas vezes. Me acompanhou na TRE-BA para votarmos em trânsito para presidente e Fomos com o pai votar, lá em Itapoã. O moleque fez sucesso no sling. E como deu segundo turno vamos repetir no final do mês...
Fica o Registro

sábado, 2 de outubro de 2010

Meu primeiro carrinho

Fica o registro, desde terça-feira (28/09), Davi fica por bons minutos sentado, brincando, sem cair... Ou cai de bruços e vira... uma graça. E já descobriu que o bracinho ajuda no equilíbrio... Acima uma foto dele com o seu primero carrinho!!!

Pérolas contra a o Leite Materno

Como escrevi na última postagem Davi começou a comer algumas frutinhas e a tomar suco. Mas são quantidades ínfimas, alimentação complementar ao leite materno, que continua sendo a principal comida do pimpolho. Na quinta-feira (30/09), estava eu aqui em casa, com ele e a nossa ajudante, Nide. E ela me solta a seguinte pérola: "Engraçado, quando a criança começa a comer de tudo, desenvolve né? Foi comer maçã e Davi já está sentando!!!". Mais uma vez o Leite Materno é o culpado pela falta de desenvolvimento dos bebês....Santa ignorância, não podia deixar de registrar...meia maçã e 80 ml de suco de laranja são suficientes para fazer um bebê de seis meses sentar!!! Puts... sem comentário

quinta-feira, 30 de setembro de 2010

Descobrindo sabores...

A introdução de alimentos começou segunda!!! Estamos indo bem! Davi continua louco pelo leitinho materno, aceitou bem o copo e o bico de transição (que posso adapitar às mamadeiras)... Os primeiros experimentos são com as frutas, no lanche da manhã, água, nos intervalos entre mamadas/refeição, e suco no lanche da tarde (que em breve passará a ser um coquitel).
Cházinho e água de coco também podem substituir a água dos intervalos em algumas ocasiões. Ontem à noite o pimpolho provou chá de camomila! Gostou, mas não devorou. Mas tenho que observar, ele tinha acabado de mamar, barriguinha cheia...
O moleque está se saindo bem... Nos dois primeros dias parece ter saboreado a maçã. Nossa orientação é repetir cada fruta por 48h, para observar eventuais reações no organismo e para ele se acostumar com o gosto também. Hoje é a vez da pêra. Depois depois conto se ele gostou!
O suco de laranja-lima (ainda diluído em água mineral) foi aprovadíssimo!!! Ele bebeu rapidinho nos dois dias. Hoje será o suco puro e no sábado batido com alguma fruta...
A aventura continua e em breve estaremos nos legumes, cereais, proteínas, e tudo que tem direito, sempre saudável!!!

Observações de uma mãe de primeira viagem: para quem não sabe o copinho de transição é aquele que tem um bico meio quadradinho, geralmente macio. É indicado para crianças a partir dos seis meses que vão começar a revezar o peito e estão se preparando para no futuro beber no copo.
A consistência do cocô é uma das coisas que vai mudar com a introdução de alimentos. Como a rotina ainda é nova por aqui, o que aconteceu foi manter a coloração e ficar "menos mole"....Taí um assunto que nunca me imaginei escrevendo...

segunda-feira, 27 de setembro de 2010

Seis meses de amamentação exclusiva

Conseguimos! Domingo (26/09) completamos seis meses de amamentação exclusiva. Ou melhor... quase exclusiva. Infelizmente, na neonatal do Hospital Português eles ofereceram NAN, durante os cinco dias que Davi permaneceu lá. (Para complementar o Leite Materno, que ainda era colostro)... Recebeu alta com a orientação que eu continuasse com o Leite Materno e o Leite Industrializado.
ilustração de Silvia Falqueto
No Hospital Português, apesar da equipe excelente do parto, pecaram no quesito orientação à amamentação. Recebi alta em dois dias, Davi continuou no hospital e como  não há infraestrutura para você ficar 24 horas no hospital, me organizava para passar parte da manhã e parte da tarde, uma média de três amamentações por dia. Eu tinha muitas dúvidas, perguntava da necessidade de ordenhar meu leite e deixar para ele, no neonatal que tem um espaço com bombas elétricas e vazilhas para recolher o Leite Materno para os bebês internados. Mas me falaram que era cedo, etc e tal. Enfim...ele recebeu alta comigo morrendo de dor, os peitos empedrados. Tão entumecidos que não saia leite e ele (Davi) não tinha pega.  No desespero compramos uma lata de leite industrializadas que oferecemos na madrugada... A partir de então, alugamos bomba, minha mãe me ajudou com massagem e ordenha manual, além de compressa de gelo... e fomos vencendo os obstáculos.
No quinto dia após a chegada de Davi em Casa (aos 10 dias de vida), fomos à uma pediatra fora do hospital... Ela sugeriu tirar o Leite Industrializado na mesma hora (só estava dando de 30 a 50 ml na madrugada, achava que ele chorava e acordava por que "não conseguia mamar meu leite"). Desta vez fui apresentada à amamentação por livre demanda. Eu e meu pequeno seguimos mais felizes. Estamos ainda enfrentando um refluxo oculto, que teve que ser medicado, mas que está melhor, e a vida segue. Esta semana começa a introdução de alimentos, mas isso é assunto para outro post...
Gostaria de agradecer a todos que me estimularam e acreditaram na minha vontade de amamentar exclusivamente. Nossa sociedade faz muita pressão para você apresentar comida, água e chá para os bebês...como se você fosse um monstro em oferecer apenas leite materno... Mas estamos aqui...saudáveis e felizes e doidos para descobrirmos novos sabores...

sábado, 25 de setembro de 2010

Curtindo brincar sentado...

Na última semana, Davi, que já está curtindo rolar de um lado para o outro e ver o mundo debruçado, começou a curtir ficar sentadinho... lógico que temos que colocar almofada de apoio ou segurá-lo mas é uma delícia...e já fica alguns segundos sem cair, com o tronco inclinadinho pra frente, até que tomba para um dos lados... Se estivermos por perto e brincarmos quando ele cai é um sorriso daqueles, mas às vezes também abre o berreiro...
E a a hora do banho está cada vez mais molhada,  no balde colocamos menos água e ele bate com força, espalhando água para os lados, sozinhos... Na banheira, seguro ele por debaixo dos braços, sentadinho e dá-lha água pra tudo quanto é lado...
Quem quiser saber um pouco mais sobre este marco do desenvolvimento, que precedo o engatinhar e o andar, pode dar uma olhada no site Baby Center Brasil, que explica de forma bem legal... e como toda mamãe coruja, vai uma foto tirada ontem...dele brincando sentadinhom na minha cama...
Agora vamos para a Roda de Bebês, que é assunto para outro post!!!

sexta-feira, 24 de setembro de 2010

Primeira febre

Foi na última quarta-feira (22/09). Achei que o pimpolho estava mais sonolento e um pouco mais quente Mesmo assim fomos fazer fotografias (uma promoção do Planeta Bebê para o dia das Crianças), brincamos muito e fomos no meu GO, Dr. João Paulo. Na volta, o pequeno gemendo no peito... Eu até pensei que fosse sono, mas quando senti a cabeça quentinha, fui medir e estava com 38,5 graus de febre. Que susto. E dá-lhe anti-térmico... Liguei para a pediatra. A orientação foi a seguinte: medicar e esperar a reação; Plano B: se a febre não ceder ir imediatamente para a emergência pediátrica...
Caraca, fiquei com medo! Mas no final deu tudo certo. Ficamos eu e Davi na cama de apoio (cama de solteiro do quarto dele). E medindo a temperatura a cada duas horas. A febre foi embora definitivamente por volta das duas da manhã e não voltou mais... ufa!!! Ontem ele ficou bem, mas por precaução não fomos pra yoga...afinal, tem outros dois bebês...Mas sábado tem roda de bebês e o moleque desconta o prejuízo...

segunda-feira, 20 de setembro de 2010

Pandeirista???

Como Davi tá com aquela mania, típica dos cinco para os seis meses (segundo os textos dos marcos de desenvolvimento) de bater com as mãos em tudo, resolvi  "apresentar" a ele o padeiro do pai... e não é que o moleque adorou a brincadeira????? Será mais um pandeirista na família? Bem, o pai tá aposentado, mas sou testemunha viva (e fui fisgada) na época que Lu tocava pandeiro numa roda de samba de amigos em Brasília...mas isso é outra história...

quinta-feira, 16 de setembro de 2010

Roda de Bebês, experiência tocante

crédito: Paulo César Lima
Esse é um tópico que queria ter escrito desde o último sábado, mas estava esperando as fotos para escrever. No dia 11/09 eu e Davi participamos da primeira Roda de Mães e Bebês BMC, na Escola de Dança da UFBA. A atividade faz parte de um projeto de pesquisa da professora Dr. Lela Queiroz. Segundo ela, a partir da interação cognitiva dá-se o início do aprendizado dos bebês.
Na primeira edição participaram eu e Davi (cinco meses), Juliana e Miguel (seis meses) e Sara e Sofia (11 meses). Cada criança levou três brinquedos e foram colocadas no chão, com nós, mães, na retaguarda, para algum eventual, apoio. Lógico que o pequeno Davi, caçula da turma, ficou mais observando, com aqueles olhinhos espertos dele. Ficou muito relaxado e feliz (sorridente), só quis mamar, e pouco, após o fim da atividade, que durou mais de uma hora.

crédito: Paulo César Lima
Espaço para convivência e aprendizagem, a roda foi pensada para bebês de três a 11 meses e será realizada outras vezes. Não iremos em outubro, porque estaremos viajando, mas com certeza estaremos lá no último sábado de setembro e em novembro. Além do espaço para os pequenos Lela conversou conosco sobre os movimentos realizados pelos bebês durante seu desenvolvimento. De bruços, aprendendo a engatinhar, sentar, levantar, andar. Também tivemos a oportunidade de ver uma roda realizada na creche da UFBA.
No próximo encontro prometo uma entrevista com ela para quem quiser saber mais detalhes da pesquisa.


terça-feira, 14 de setembro de 2010

Chão, grande aliado do home office

Verdade seja dita, não tem bebê conforto, carrinho ou tapete de atividade que ganhe do chão como verdadeiro aliado da mãe que tem que trabalhar em casa... Agora mesmo, enquanto escrevo uma matéria, Davi está ali, deitadinho, escutando música...e mamãe aqui, trabalhando!!!

Brincadeira, soneca e trabalho

Por aqui a rotina continua corrida... Davi tem brincando mais, mas também agora tira duas sonecas maiores durante o dia, o que me permite me organizar para trabalhar... Afinal, escrever apenas à noite, enquanto o pimpolho dorme...me deixa morta de sono...
O edredon e o tapete de atividades são dois aliados para eu conseguir fazer entrevistas e agendar minhas saídas, e o Davi adora ficar no chão... Bate papo sozinho, brinca, e lógico, de vez em quando me chama para participar!!!
Esta semana descobriu que pode forçar a tosse...e está se acabando de fazer isso... eu falo que vai dar dor de garganta...mas quem, aos cinco meses se importa????

sexta-feira, 10 de setembro de 2010

Recomeços

Engraçado, hoje cedo, quando fui dar uma checada nos emails, li um texto do Colorida Vida (http://www.coloridavida.com/), blog de uma jornalista que vive com a família no Canadá. E ela fala justamente sobre Começos e Recomeços. Uma das filhas está começando a ficar na creche e ela retomando o trabalho part time.

Me identifiquei totalmente. Depois de praticamente passar 24 horas ao lado do Davi nos últimos cinco meses e meior, recomecei a trabalhar (como freelancer) há uma semana.  Sinceramente, estou achando mais fácil do que parecia. Afinal, Davi tem ficado muito tempo brincando, no carrinho, no tapete de atividades ou no chão...e começou a criar uma rotina de três sonecas diárias... quando posso aproveitar para umas fugidas e entrevistas por telefone. Os textos deixo pra escrever à noite, quando ele dorme...

Esta semana fui fazer duas entrevistas fora e em cada uma das saídas me ausentei por duas horas. O pequeno fica com a Nide, minha ajudante, e tem tomado leite materno (que retiro com bomba)... A alimentação complementar será apenas aos seis meses, conforme recomenda a OMS e os pediatras.... Mas tem muita gente que não entende isso de forma alguma...e acha que tem que dar comida pra bebê..(Isso é assunto para outro post).

É legal retomar à ativa, saber que amo ser mãe, como nunca imaginei antes, mas que também adoro ser jornalista. Ainda mais quando entrevisto pessoas interessantes, que amam a vida e o que fazem, que têm o que partilhar (como hoje)..

Não vou me alongar. Deixei Davi acordado, no colo da Nide, quando saí (ele tinha acabado de acordar e mamar...), logo depois ele deu banho nele, brincaram um pouco... (ela me disse que ele nem chorou...)... mamou 80 ml de leite... e foi dormir...(cheirando a blusa da mamãe... idéia da Nide, mas que tem dado certo)

Um brinde aos recomeços!!!

quinta-feira, 9 de setembro de 2010

Cartão Postal I


Como moramos numa cidade turística, cheia de lugares lindos... Resolvi postar algumas fotos em nossos passeios pela city (cartões postais)... Essa foi tirada no dia 29 de agosto, um domingo, na Ribeira... Fomos encontrar Ellen e Eliana, minhas amigas de infância, e tomar o tradicional sorvete do fim de tarde... Vai o clique da família... A foto de todos, inclusive da pequena Carol (filha Eliana) vai para elas por email!

quarta-feira, 8 de setembro de 2010

Hum, Gostoso!!!!


Engraçado, há pouco mais de um mês minha mãe comentou comigo da foto da neta de uma amiga, chupando o dedo do pé Achou super engraçado e perguntou se Davi já estava fazendo isso.
Eu ri e disse que deveria estar perto... Bem, fica aqui o registro. Hoje, logo após o almoço, fui trocar a fralda do pequeno e quando me virei para pegar o algodão me deparei com ele deliciosamente chupando o dedão do pé. Foi engraçado, mas fiquei nervosa e não consegui fazer o clique. Mas logo depois, no tapete de atividades, lá estava ele de novo! Hum... Gostoso!!!!!

terça-feira, 7 de setembro de 2010

Feriado no Parque da Cidade


Hoje foi a estreia de Davi num parque! Fomos ao Parque da Cidade, aqui em Salvador... Foi uma hora e meia de puro contentamento. Chegamos com Davi no sling e logo preparamos um cantinho pra gente embaixo de uma sombra. Davi ficou maravilhado olhando para o céu, as árvores, as pessoas e até para um vira-lata!!! Até mesmo e bruços ele se divertiu!
Uma delícia ver o pimpolho descobrindo o mundo.

Banho Molhado

Antes que alguém venha criticar o meu título e dizer que ele é reduntante, vou explicar. No domingo passado (5/9), como todos os dias, preparei o banho de balde do Davi. O pimpolho divertiu-se como sempre, mas me deu um banho... (daí o título...banho molhado, pra mim)... Ele adorou descobrir que ao bater a mão na água subia tudo, caia nos olhos e até nariz...
Como não quis desentusiasmar a brincadeira, depois tive que limpar o quarto todo. Na segunda-feira, na hora do banho de banheira, pra minha surpresa, a mesma coisa... Foi água pra tudo quanto é lado... Ainda arrisquei mais um banho de balde no quarto, ontem à noite. Mas hoje resolvemos mudar a rotina e o balde e banheira foram pra dentro do nosso box, no banheiro...
Aí vai uma foto com muita água pra todo mundo!

segunda-feira, 6 de setembro de 2010

Pé de moleque

É incrível, foi completar cinco meses para Davi descobrir os pés. Já está segurando os pés logo que acorda, ou quando está brincando no tapetinho, e, quando está sentadinho (a gente segurando), adora dar uns chutes na orelha do elefante ou na boca do hipopótamo... Não, não temos um zoológico, são os bichinhos desenhados no tapete de atividades, que fazem barulhinho quando mexemos...
Como pé de moleque é bom demais (desculpem o trocadilho infame), vai uma foto do pezinho dele (muito maior do que quando chegou em casa, diga-se de passagem) comparado com o meu...!
Quem sabe em alguns anos coloco o pezão dele no blog ao lado do meu pezinho???
Tô engraçadinha hoje, mas cheia de textos para escrever!!! Vou nessa!

sábado, 4 de setembro de 2010

Aula de Yoga no Globo Esporte Bahia

Hoje acordamos cedo e fomos os três para a Rede Bahia. Além da matéria, gravada há um mês pela Patrícia Abreu, tivemos uma mni-aula ao vivo e nova conversa com a jornalista. Os bastidores o Luc gravou com nossa câmara, depois eu posto aqui!

Bahia Esporte - Rede Bahia

sexta-feira, 3 de setembro de 2010

Personal Baby

Na quarta-feira (1/09) Davi estava chamando a minha atenção para brincar. Já que comecei a trabalhar na segunda e, mesmo sendo em casa, na maior parte do tempo, ele sente que nem sempre a atenção está voltada para ele. Então, entre as respostas que aguardava para poder escrever um matéria, resolvi colocá-lo em minha cama para simplesmente brincar. Como ele está naquela fase deliciosa da descobertas do pé e de entender que alguns gestos geram efeitos, deitei na cama na mesma posição que ele e comecei a imitá-lo.
Sabe o que descobri? Que se alguém inventar a ginástica do bebê vai ficar milionário... (quem sabe eu me forme em Educação Física e faça isso???). Mas experimentem, por 15 minutos, imitar todos os gestos com pernas e braços feitos por um bebê de cinco meses... Você trabalha abdominal, alongamento, força e flexibilidade... Mais que aprovado! Ainda tem direito a risos e sussurros!

Ah, para os leitores que estão na Bahia, amanhã estaremos no Globo Esporte Bahia, em uma matéria sobre Yoga para Gestantes, Mães e Bebês. A professora, Anne, chamou a gente para uma aula que será dada ao vivo... Se conseguir o link ou vídeo prometo que posto aqui!

quarta-feira, 1 de setembro de 2010

Bom de bola

Nossa rotina cada vez mais envolve muita brincadeira, muito peito e colinho, lógico. Mas uma das coisas que Davi adora é "jogar bola". Pois é...há cerca de um mês ele tem passado boa parte do dia no chão, seja no tapetinho de atividades ou em um edredon. A bola de pano, com chocalho dentro, é item que não pode faltar... E não é que o pequeno é bom de bola???
Não sei se vai ser jogador de futebol, volei ou hand. Mas uma coisa é certa, sabe como ninguém aproveirtar os momentos.... E como coruja que sou, coloco um vídeo (amador, feito do celular), gravado no dia 8 de agosto... Se tivesse feito hoje ele estaria mais espertinho, já que descobriu o pé... mas isso é assunto para outro post!


segunda-feira, 30 de agosto de 2010

Devagarinho II

Hoje estou retomando meus freelas. Devagarinho, mas já saí, fiquei uma hora fora e Nide teve que dar leite que estava no congelador para o pequeno. O engraçado é que eu vou ficar a maior parte do tempo em casa, mas parece que o Davi percebe que estou com a atenção dividida e deu uma reclamada... Bem, mas aproveito a sonequinha da tarde para adiantar umas entrevistas!!!
Ai, imagino a dor de quem tem que se afastar da cria logo nos primeiros meses, para cumprir uma jornada inteira!!!

sábado, 28 de agosto de 2010

Babando

Nem precisa dizer que bebê de quatro meses até não sei exatamente quando baba. Mas não vou falar sobre os banhos de baba e sorrisos babados de nosso cotidiano.  Na aula de ioga então, nem se fala, saímos todos babados, bebês, mamães e a professora... Mas hoje, eu é que estou babando nosso pequeno Davi. Impressionante, completou cinco meses outro dia (na última quinta, 26/08), e parece outro menino. Gritando muito, falando sozinho, mais tranquilo, brincando com ele mesmo, as mãos ou os brinquedinhos... A gengiva ainda coça mas o remédio homeopático receitado surtiu efeito e ele voltou a dormir...
É, acho que estou precisando de um babador hoje!!!

Curtindo a prima

Esta semana a prima de Davi, Rebeca, que completa nove meses no próximo dia 3, está passeando em Salvador com a mãe, Raquel (minha cunhada). Elas moram em Fortaleza e visitaram Davi quando ele tinha pouco mais de um mês (em maio)... Como só estarão alguns dias tentamos aproveitar o tempo do pimpolho e garantir aos dois algum contato. Na terça-feira (24/08), os dois  passaram uma hora brincando no edredon estendido no quarto do Davi. Cada um com sua brincadeira, Rebeca querendo pegar o priminho e Davi olhando com aquele olhinho de pensador. Na quarta (25/08), fizemos um breve passeio no Shopping. Uma das poucas idas do pimpolho ao templo do consumo... A primeira em BH (no Ponteio) para comprar um brinquedo, a segunda e terceira no Salvador Shopping para uma compra rápida e a quarta, no Itaigara para a compra de outro brinquedo.
Fica o registro das mães corujas com os priminhos!








quinta-feira, 26 de agosto de 2010

Noite insone

Pela primeira vez em cinco meses (Davi completa hoje) passei uma noite insone com o pimpolho. Nos últimos três dias as sonecas do dia que já são poucas e breves, ficaram ainda mais raras. Na terça a tarde falei com a Dr Regina (pediatra) e após nossa conversa e sintomas ela disse que a gengiva deve estar coçando, e em breve deve nascer algum dentinho. Bem, há um mês a salivação aumentou (e a baba também), há duas semanas, no banho de balde as mãozinhas dele (e minha), não saem da boca, sendo sugadas e mordidas. Pelo visto, os três is chegaram: insônia, inapetência e irritabilidade (percebida por alguns gritinhos, que por sinal são um charme!).
Nesse momento (5h da manhã do dia 26), após um banho de balde, devemos ter dormido no máximo, desde 22h, 2h... Êta menininho duro na queda sô. Mas os sinais tavam aí e os mais atentos tinham me avisaram... A Nide, há três semana fala..."ele tá babando muito, vai nascer dente". Minha mãe, sempre que vê o netinho pelo skype avisa (há umas duas semanas):"Ele tá mordendo muito o bracinho ou seu ombro, deve estar chegando algum dentinho". A Raquel, minha cunhada, que está por uma semana aqui em Salvador com nossa sobrinha, Rebeca (que faz nove meses no dia 3), me avisou na terça, quando estavam aqui (depois posto sobre isso) que achava que a gengiva dele indicava que iria nascer algum dente em breve.
Não sei ao certo o tempo que demora, e na segunda devemos ver se já necessidade de alguma homeopatia, mas por enquanto, além dos mordedores convencionais, adotei o mordedor que coloca na geladeira, que ele ganhou de presente da outra vó, Nelma. Se algumas das mamães mais experientes tiverem alguma sugestão para a insônia, agradeço. Ao menos o pimpolho está bem-humoradoo, no berço, falando sozinho, com um mordedor na mão! E vamos levando!!!

domingo, 22 de agosto de 2010

Brincando no chão

Uma das coisa gostosas que aconteceu nas últimas semanas foi a rotina de Davi brincar no chão todos os dias... seja no edredom que a gente monta, com vários brinquedinhos espalhados ou no tapete de atividades que compramos esta semana... É incrível, ele se diverte muito e fica mais tempo que no carrinho, por exemplo... Também tem ficado muito mais no berço fora das sonequinhas, falando sozinho, se divertindo. Isso me deixa mais tranquila, já que semana que vem volto às rotinas dos freelas... Assim sobra mais tempo para eu ler e escrever!







Mãe e Muito Mais

Neste sábado (21/08) fomos a mais um encontro do grupo Mãe e Muito Mais. Desta vez o programa, novamente no museu da criança, incluiu uma oficina de pintura para crianças. Mesmo com Davi valeu a pena, para papear com as pessoas, reencontrar e, porque não? Pintar um pouquinho!!

terça-feira, 17 de agosto de 2010

Curso de Batismo


No sábado (14/08), eu e Luciano participamos do curso de preparação para batismo da Paróquia Nossa Senhora da Luz, aqui da Pituba. A palestra, para pais e padrinhos, foi muito boa. Levamos o pimpolho que só quis saber de mamar e até deu uma cochilada no nosso colo. Davi será batizado no dia 16 de outubro, em Belo Horizonte, pouco antes de completar sete meses. Os padrinhos serão os tios,meus irmãos.
Estamos muito felizes com esta decisão. Acreditamos que a formação da criança se dá por exemplos e vivência, e que a pessoa tem livre arbítrio para escolher sua religião. Mas como pais, temos que garantir a nosso rebento o primeiro sacramento, sugerido por Jesus (o primeiro a ser batizado, nas águas do rio Jordão), como rito de iniciação à vida cristã, como o renascimento para uma nova vida!

segunda-feira, 16 de agosto de 2010

Voto em trânsito garantido

Sexta-feira (13/08) voltamos ao TRE-BA. Desta vez, além do Davi levei a Nide, que me ajuda em casa e dá uma força com o pimpolho. O chato foi que tivemos que parar em uma secretaria, pegar um atalho até a calçada na Paralela e então ir ao tribunal, mas mesmo assim em 15 minutos estava tudo resolvido. Me inscrevi para votar em trânsito para presidente!

sexta-feira, 13 de agosto de 2010

Presença virtual na formatura do tio

Meu irmão, Rual, formou-se em geologia na última quarta-feira, dia 11. A colação de grau foi na UFMG e reunião as oito pessoas da turma dele (ou seis, não estou certa) e a turma de Turismo. Gostaria muito de ter prestigiado pessoalmente, mas tive que participar em pensamento, enviando desejos de boa sorte e muita energia nos novos caminhos.
Ontem, quando liguei para parabenizá-lo, fiquei sabendo que Davi esteve presente no evento. Uma foto dele, no colo do padrinho, foi incluída no vídeo dos formandos. O moleque foi muito aplaudido e os menos desavisados até pensaram que era filho do tio... Como lembrança da data vai uma foto de Davi com Raul, quando se conheceram, na nossa ida a BH em julho! ( o pequeno estava com três meses).

quinta-feira, 12 de agosto de 2010

Turma da Ioga no cinema

Já que hoje foi dia de Ioga, (tudo bem que Davi quis mesmo foi mamar...e no final cantar junto com os passarinhos da música) deixo mais um registro da nossa primeira ida ao cinema, no sábado passado. No clique, Eu e Clésia e nossos respectivos filhotes: Arthur e Davi.
Em alguns meses teremos que correr atrás dos meninos no cinema hem?

Stock Car, Eleições,Sistema fora do ar, Lá se foi uma manhã

Hoje acordei entusiasmada. Desde ontem combinei no TRE de chegar com o Davi e ser logo atendida para me registrar para o voto em trânsito. Saímos daqui por volta das 9h, para fugir da hora rush. Eu tinha esquecido da Stock Car, neste final de semana.. Acabamos pegando um engarrafamento. Davi, acordadinho, ficou olhando para o alto, para os caminhões com os carros da competição.

Um dos carros da stock car, clicado durante o engarrafamento

Depois de algumas voltas (alguns retornos estão fechados para a corrida) chegamos ao TRE. Encontramos vaga fácil, ao lado da central de atendimento ao eleitor. O atendimento nota dez, mas um pequeno detalhe. “O sistema está fora do ar”. Resolvi esperar, já que a funcionária me explicou que o Serpro estava trabalhando para a resolução do problema. Muito papo, mamada e uma troca de fralda depois (uma hora se passou), resolvi ir embora, voltar amanhã, no plantão, a partir das 14h. A servidora garantiu que chegaremos e seremos atendidos...e ainda me passou o tel dela (para checar como está o sistema_.
Difícil ser mãe e cidadã exemplar, garantir o direito de votar para presidente... E ainda dei o bolo na Bel. Iria visitá-la com Davi, mas chegamos em casa minutos antes do meio dia, lá se foi a manha. Em outubro estarei em BH (voto em Minas ainda), mas só depois do pleito e não quero deixar de participar...e nem o Davi!!!!

quarta-feira, 11 de agosto de 2010

Devagarinho

Ontem foi minha terceira aula de water bike. Estou fazendo à noite, 20h, às terças e quintas. Foi a forma que encontrei de malhar com neném pequeno em casa. É lógico que complementarei com caminhadas com o sling, sempre que der, durante a semana e com os passeios de carrinho (deixa só passar esta chuva!). Mas foi muito bom ter esta hora só para mim. Retomar uma rotina de atividade física, mesmo que duas vezes por semana. Volto fisicamente cansada mas revigorada mentalmente. As aulas são com a Vitória que acompanhou toda a minha gravidez, até a véspera de Davi nascer. Só no último mês saí da bike para ficar na hidro (a barriga encostava do guidão).
É verdade que voltei à Yoga aos dois meses de idade (do Davi). A aula, focada em mães e bebês, é muito importante para a postura, relaxamento e abdominais (meus), além do desenvolvimento do bebê e de nosso vínculo. Uma delícia, mas são aulas sempre imprevisíveis, com trocas de fraldas e mamadas. Daí a importância de uma ativade só minha, que me permita, mesmo que por uma hora, desligar do estado de alerta, comum a todas as mães.
Aí vão duas fotos: da Vitória, a teacher, e de parte da turma, nas abdominais, o que será mais últil nestes próximos meses!






Quem não gosta de massagem?

No final da tarde da última segunda-feira (9/08) a Val (esteticista) veio fazer minha limpeza de pele. Marquei neste horário porque o Luciano chegaria em Casa. Dei mamá para o Davi por volta das 17h, para ele ficar de barriguinha cheia. Começamos. O pai levou ele para passear de carrinho no play. Uma hora e pouco depois, o pequeno insistia em reclamar. Paramos a limpeza, ofereci o peito e nada. O pai então teve uma idéia. Colocou o moleque “meio-sentado” nas minhas pernas (eu estava deitada). Comecei uma massagem nos pés e o pequeno amoleceu! Não é pra menos. Afinal, quem não gosta de massagem?

segunda-feira, 9 de agosto de 2010

Primeira ida ao cinema

Foi neste sábado (7/8), aos quatro meses, que Davi foi ao cinema pela primeira vez. "Levou" eu e Luciano para celebrarmos com ele o dia dos pais. O moleque acordou cedo como de costume, por volta das 5h. Cochilou por volta das 8h, tomou banho e fomos ao passeio. A sessão, prevista para 11h, começou com 20 minutos de atraso e Davi passou quase metade do filme “O Bem Amado” dormindo no colinho do pai.
Enquanto estávamos na bilheteria, aguardando os ingressos do cinematerna (projeto com sessões de cinema que permitem a presença de crianças até 18 meses), ele mamou e acabou dormindo no sling. (Foi uma hora de espera). Excepcionalmente a sessão deste sábado foi o Cinepaterna, com direito a um par de ingressos de cortesia, e a uma foto no final (que só fica pronta na próxima quarta-feria). Estávamos curiosos para conhecer o projeto e aprovamos.Com certeza fará parte do entretenimento da família.
A sala fica com o ar um pouco mais fraco, o som mais baixo, o ambiente iluminado a meia luz. Além disso, havia dois trocadores, com fraldas, pomada e toalhas umedecidas à disposição das mamães e bebês. Para os maiorzinhos, alguns brinquedos abaixo da tela. Muito bom, assistir um filme, a família reunida, sem ninguém se importar com a sinfonia de choros que se alternava, ou com o movimento de mães e pais em direção aos trocadores.
O programa foi uma delícia, encontramos Arthur, coleguinha da Yoga, com os pais, além de conhecermos gente nova. Com destaque para a Leize e sua família: o marido e dois filhos lindos: um menino de cinco anos e uma bebê de quatro meses. Foi ela inclusive a autora do clique da foto que registra nosso passeio.

sexta-feira, 6 de agosto de 2010

Descobri minha língua!

Tá bem! Todo recém-nascido coloca mesmo a linguinha pra fora. É um reflexo natural que dura praticamente até o desmame e que se intensifica quando a gengiva começa a coçar por causas dos dentes que irão nascer nos próximos meses. Mas hoje, aos quatro meses e 11 dias, Davi resolveu mostrar a língua para todo mundo, com direito a um sorrisinho desdentado no final. É só pra ficar registrado.

Confissão

Vocês sabem bem que quando o neném nasce a rotina muda tanto que é difícil conseguir (pelo menos a mãe) uma foto que não seja descabelada, com olheira ou com a cara preocupada. Quando Davi estava com pouco mais de um mês, e minha irmã, Nadja, estava aqui em Salvador para visitá-lo, pegou a gente de surpresa numa foto! Achei a mais bonita (minha), desde que o pimpolho nasceu. Mas eu estava relutante, confesso, em colocá-la no blog. O motivo? Só porque Davi estava com chupeta! Me redimo publicando o clique da mana e morrendo de ri. No final o rapaz só pega a chupeta esporadicamente e descobriu o acessório como um brinquedinho, que ele segura enquanto está com o dedo na boca!
Êta personalidade!!!